WarnerMedia e Discovery anunciam fusão e criação da nova empresa global

Nesta última segunda-feira, 17 de maio, a AT&T anunciou que fechou um acordo para combinar os ativos das empresas WarnerMedia (pertencente à operadora) e a Discovery, para criar uma nova companhia independente de entretenimento global, que será liderada pelo David Zaslav, atual CEO da Discovery. A expectativa é que o acordo entre em vigor em meados de 2022.

No negócio, a AT&T receberá USD 43 bilhões (R$ 226,14 bilhões na cotação atual) pelo desmembramento da WarnerMedia, ficando com 71% das ações da nova empresa. Já os acionistas da Discovery ficarão com 29% do capital social. A transação ainda depende de aprovações regulatórias e dos acionistas da Discovery.

Com o fechamento do negócio, a nova empresa terá dois serviços de streaming, o HBO Max, que será lançado no Brasil e na América Latina em junho, e o Discovery+, reunindo séries, filmes e programas de entretenimento, animação, esportes e notícias. A operação conjunta vai reunir produções das marcas Discovery, Food Network, HGTV, Warner Bros, HBO, CNN, TLC, SCI, Animal Planet, Cartoon Network, HLN, Cinemax, Turner Sports, Magnolia Network, ID, TVN, Euroesport, TBS, TNT, Adult Swim e DC. A ideia é que transação combine a biblioteca de conteúdo da WarnerMedia com o alcance global da Discovery, principalmente em programas com idioma local e regional em mais de 200 países e territórios.

“Este acordo une dois líderes de entretenimento com forças de conteúdo complementar e posiciona a nova empresa como uma das principais plataformas globais de streaming direto ao consumidor. Ele apoiará o crescimento fantástico e o lançamento internacional do HBO Max com a pegada global do Discovery e criará eficiências que podem ser reinvestidas na produção de mais conteúdo excelente para dar aos consumidores o que eles desejam”, afirmou John Stankey, CEO da AT&T.